24 de junho de 2024

IPATINGA FC

Site não oficial do Tigre quadricolor de Minas, notícias do futebol mineiro

São Paulo envia mais de 13 toneladas de ajuda humanitária para o Rio Grande do Sul

4 min read





Além de água e cobertores, Estado também encaminhou 25 antenas para conexão à internet via satélite e nove geradores de energia elétrica



O Governo de SP encaminhou nesta segunda-feira (6) o primeiro lote de donativos às vítimas das fortes chuvas no Rio Grande do Sul. Mais de 13 toneladas de suprimentos essenciais como água potável, colchões e cobertores foram enviados ao estado. Além destes itens, São Paulo também disponibilizou 25 antenas para conexão à internet via satélite e nove geradores de energia elétrica, visando auxiliar no restabelecimento da comunicação e do fornecimento de energia elétrica nas áreas impactadas.

Os donativos partiram do Aeroporto de Congonhas com destino à cidade de Caxias do Sul em um voo da Gol. A primeira-dama e presidente do Fundo Social de São Paulo, Cristiane Freitas acompanhou o embarque da carga.

Desde o último domingo (5), o Fundo Social de São Paulo (FUSSP) e a Defesa Civil estão recebendo doações para serem enviadas às vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul. Os materiais devem ser entregues no depósito do FUSSP, localizado na Avenida Marechal Mário Guedes, 301, no bairro do Jaguaré, na capital, das 8h às 17h. A ação faz parte da mobilização organizada pelo Governo de São Paulo para ajudar o estado, e conta ainda com envio de equipes de resgate, embarcações e aeronaves.

Até essa segunda-feira, mais de 1.900 atendimentos já foram realizados pelas forças de segurança de São Paulo na região. Neste quinto dia de atividades, o helicóptero Águia 33 foi acionado para realizar a remoção de um paciente com síndrome metabólica rara para um hospital em Porto Alegre. Ele estava em Camaquã, cidade a mais de 130 quilômetros da capital gaúcha. A utilização de UTI aeromédica foi fundamental para a continuidade do tratamento ao paciente. As outras duas aeronaves paulistas que estão no Rio Grande do Sul realizaram o transporte de cerca de 300 quilos de alimentos e 720 litros de água para as regiões mais afetadas pelas enchentes.

SP coordena gabinete nacional

A partir desta terça-feira (7), o Conselho de Gestores de Defesa Civil (Congepdec), presidido pelo coordenador estadual da Defesa Civil, Coronel PM Henguel Pereira, se une às autoridades gaúchas para instalar na cidade de Santa Cruz do Sul, na região do Vale do Taquari, um gabinete para gerenciar as ações de logística humanitária, gestão de abrigos temporários e acolhimento de pessoas.

Força-tarefa paulista na região

O Governo de SP continua mobilizado em apoio ao Rio Grande do Sul. São mais de 60 agentes no socorro à população gaúcha, entre bombeiros, enfermeiros, médicos, geólogos e militares, além do apoio de dois cães farejadores.

Nesta segunda-feira, 40 profissionais da Sabesp partiram para o estado gaúcho. São 14 eletricistas, 14 mecânicos, seis agentes de saneamento e seis motoristas que atuarão diretamente na recuperação das infraestruturas de abastecimento danificadas pelas cheias. Também foram enviados ao Rio Grande do Sul sete veículos de tração 4×4 com equipamentos, ferramentas e materiais diversos, além de um furgão-oficina. Seis caminhões-tanque também serão encaminhados para ajudar na distribuição de água potável em Porto Alegre.

Envio de doações

Pessoas físicas, entidades e empresas podem fazer doações. A prioridade neste momento é para água potável e produtos de limpeza e higiene – produtos como alimentos, calçados e roupas não estão sendo recebidos nos postos de arrecadação. Os itens devem ser entregues no depósito do Fundo Social, na Avenida Marechal Mário Guedes, 301, no bairro do Jaguaré, na capital, das 8h às 17h. O transporte para o Rio Grande do Sul será feito pelas companhias aéreas Gol, Azul e Latam de forma voluntária.

Quem optar pelas doações via Poupatempo pode levar kits de água potável ou de higiene e limpeza a qualquer uma das 241 unidades da capital, Grande São Paulo, Baixada Santista, Litoral Norte e interior. Todos os itens recebidos nos postos do Poupatempo serão destinados ao Fundo Social – o primeiro caminhão com produtos deixa o galpão na manhã desta segunda (6) para transporte aéreo.

O Fundo Social não está recebendo doações em Pix ou dinheiro. Quem tiver interesse neste tipo de ajuda precisa procurar os canais oficiais do governo gaúcho. Porém, é possível auxiliar com trabalho voluntário no depósito da capital nas atividades de transporte e separação dos itens arrecadados.

Outras informações sobre as doações às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul podem ser acessadas no site fundosocial.sp.gov.br, nos perfis oficiais do Fundo Social em redes sociais ou pelos telefones (11) 2193-6979 e (11) 3238-3944.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NÃO PERCA